quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Ainda Vale a Pena Investir em Cielo (CIEL3)?


Uma das empresas mais faladas na bolsa neste ano de 2018 foi a CIELO. Outrora queridinha dos investidores, uma das empresas mais lucrativas da bolsa, a Cielo figura agora como um case negativo: a cotação de suas ações atingiu queda superior a 60% desde o início do ano.

Mesmo que você seja totalmente alheio à bolsa de valores, já deve ter percebido o motivo: há pouco tempo atrás, pagamento com cartão era sinônimo de maquininha da Cielo, hoje essa situação está cada vez menos frequente, agora pagamos com maquininhas da Stone, da Pagseguro, da Getnet, da Rede, etc.

A concorrência aumentou e está tomando o lugar da Cielo, para tanto foi utilizada a mais primitiva das estratégias de mercado: a guerra de preços. Com taxas e condições mais competitivas, os lojistas, principalmente o pequeno e médio, começaram a substituir a Cielo pelas novas concorrentes.

A Cielo até que tentou, investiu em maquininhas mais modernas e em campanhas de marketing mais agressivas, porém na prática a companhia vem apanhando do mercado, os resultados obtidos em 2018 estão em tendência descendente em relação ao ano anterior: apenas no 3T2018, o lucro líquido chegou a cair quase 30% em relação ao 3T2017. O seguinte trecho, extraído do relatório da própria Cielo, é bem elucidador:

"Importante destacar que o yield de receita líquida foi negativamente impactado pela menor receita de aluguel, e pelo menor preço praticado como reflexo de um cenário mais competitivo".

E agora o que todos se perguntam é se estamos diante de um caso em que a empresa perdeu fundamentos e devemos ficar longe dela, ou é um caso de desespero exagerado do mercado abrindo a oportunidade de comprar ações de uma ótima empresa por preço de banana.

Comprar porque está barato ou vender porque perdeu fundamentos?

O que é certo é que a Cielo como a conhecemos, com margens de lucro na casa dos 35%, vai mudar. O novo presidente da companhia já sinalizou que vai entrar forte na guerra de preços para, pelo menos no curto prazo, barrar o avanço dos concorrentes. Ou seja, podemos esperar para o 4T2018 e até para 2019 queda nos lucros. A Cielo parece querer mostrar que na guerra de preços é ela que tem mais condições de sobreviver, até pela pomposa reserva em caixa de mais de R$ 4 bilhões.

Outra notícia preocupa o setor como um todo: o Banco Central anunciou que pretende, até 2021, implantar um sistema de pagamentos instantâneos por meio de QR Code que representará uma alternativa mais barata para os lojistas, dispensando o uso das maquininhas e creditando instantaneamente o pagamento na conta do fornecedor. Ou seja, o filão de compras no cartão de débito está sob ameaça!

Entretanto, nem tudo é esse inferno todo, a Cielo ainda é líder de mercado, detendo mais da metade do volume total de pagamentos processados no país. Uma companhia com lucros bilionários, altíssima geração de caixa e com margens ainda na casa dos 30%. O ROE apesar de vir apresentando quedas constantes, ainda pode ser considerada muito satisfatório, cerca de 25%.

Portanto, a conclusão é que estamos diante de um ponto de inflexão, a Cielo finalmente desceu do salto e reconheceu que os "pequenos", como Stone e PagSeguro, podem sim ameaçar o seu reinado, e era isso que muitos investidores vinham cobrando há tempos. Ao que tudo indica, a Cielo vai entrar de cabeça na guerra. Porém, no curto prazo isso custará a diminuição de lucro, é o preço da sobrevivência. A partir desse ponto ou a Cielo toma atitudes concretas para esboçar uma reação no médio prazo, ou afunda de vez.

Dessa forma, estamos naquele momento em que os especialistas vão precificar a ação lá embaixo, pois a maioria só olha para o curto prazo, no entanto, caso a companhia consiga crescer novamente, estamos diante de uma das maiores pechinchas da bolsa!

E ai, você confia na capacidade da Cielo se reinventar e barrar o avanço da concorrência ou é um caso perdido? Comenta ai!

Abraço!

Senhor Ministro

33 comentários:

  1. Irei manter o plano! Acredito que atualmente ele represente uns 4% da minha carteira de ações, irei manter o mesmo percentual!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Rodrigo,

      Apesar da grande queda da cotação eu também ainda não vejo motivos para sair do papel. No entanto, a grande dúvida é se esse momento de baixa significa uma oportunidade ou um novo patamar de valor da empresa.

      Abraço!

      Excluir
  2. Acho que sempre há possibilidade de uma empresa grande e solidificada no mercado como a Cielo se recuper.
    Falida a empresa não está.
    Porém pra voltar a se valorizar em grande escala deve demorar, se é que vai voltar a patamares o passado onde sua ação valia mais que o dobro de hoje.
    Pra quem investiu em Cielo a algum tempo pensando no longo prazo, foi uma das piores opções de investimento que poderia ser escolhida.

    Mas sim, acho que é possível recuperar ao menos parte disso aí. A pergunta é quando?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Anon,

      Está MUUUUUITO longe de a CIELO falir ou sequer registrar um prejuízo trimestral, a empresa é bilionária!

      Mas a valorização futura que é uma incógnita. Uma vez que o preço de uma ação revela mais ou menos a expectativa dos investidores em relação ao futuro da companhia, afinal resultados passados não garantem resultados futuros.

      Por enquanto a Cielo não mostrou força pra peitar a concorrência, por isso as ações caíram tanto, porém ao menor sinal de recuperação o preço vai ser ajustado pra cima, porém, como você frisou, talvez não volte aos patamares de antes.

      Aguardemos cenas dos próximos capítulos!

      Excluir
    2. Só pra complementar, o mercado é muito especulativo.
      Talvez a Cielo seja um bom investimento pro cuto prazo desde que comecem a aparecer notpicias sobre investimentos da empresa e coisas do gênero, isso renova a confiança dos investidores.
      Pra longo prazo esse tipo de especulação dificilmente se mantém se a empresa não apresentar resultados e ações sólidas.

      Excluir
    3. É isso ai Anon,

      Muita gente está avaliando a empresa pela queda da cotação, como se a companhia estivesse rumo à falência. Como eu mencionei, o mercado vai mudar, as margens vão cair, mas a Cielo ainda tem muito chão pela frente, e se os resultados pelo menos se estabilizarem, ela vai recuperar boa parte dessa queda.

      Excluir
    4. "Pra quem investiu em Cielo a algum tempo pensando no longo prazo, foi uma das piores opções de investimento que poderia ser escolhida."

      Você fala isso baseado numa queda de cotação de curto prazo (um ano)? Desculpe, mas não faz o menor sentido.

      "talvez Cielo seja um bom investimento pro cuto prazo desde que comecem a aparecer notpicias sobre investimentos da empresa e coisas do gênero"

      Qual a necessidade a cielo tem de investidores externos? Cara, olha o caixa da empresa. Novamente, não faz o menor sentido.

      "Por enquanto a Cielo não mostrou força pra peitar a concorrência"

      Ministro, a Cielo tem mais da metade do mercado, como vc mesmo disse, e não faz dinheiro só com maquininhas dos lojistas. Ela tem tanta força que nem ligava pra concorrência. Se ela entra nessa guerra pra valer, sufoca os concorrentes.

      Acho que vocês se influenciam demais por cotação aí ficam procurando pelo em ovo, sei lá. Falar em perda de fundamentos pra essa empresa é nonsense. É tipo dizer que a AMBEV perdeu fundamentos e está ameaçada pela cerveja artesanal que é feita pelo seu tião do boteco da esquina.


      Não sou sócio da cielo, talvez por isso sou tão frio na análise dos números. Mas de tanto ver essa discussão sobre a "falência" da CIEL, estou pensando em aprofundar o estudo e montar uma posição.

      Abraço e bons investimentos!

      Excluir
    5. Fala Concursado!

      Com certeza seria leviano basear a análise da empresa apenas pelo valor da ação, toda essa queda não quer dizer que a empresa piorou tanto, mas que há um certo consenso de expectativa de piora futura por parte da maioria dos investidores.

      Porém essa expectativa de queda ainda é incerta. Até agora a Cielo viu a concorrência crescer sim, viu seu market share diminuir, mas só agora parece indicar que vai brigar por isso.

      Vejamos quem vai se sair melhor nesse "risca faca". Eu apostaria na Cielo também!

      Excluir
  3. Acabei de dobrar minha posição de 10k nela com objetivo de fazer 100% em 2 anos ! Vamos ver !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Investimento arrojado hein Anon!

      Acho que 2 anos é pouco para esperar esse retorno!

      Fazendo um exercício de futurologia e supondo que dê tudo certo, em 2019 a Cielo provavelmente vai diminuir suas margens e lucros, porém se conseguir recuperar market share, os investidores vão começar a enxergar com melhores olhos. 2020 seria um ano de consolidação no mercado e talvez a partir de 2021 a empresa comece a ser enxergada como potência novamente para, só ai, a ação ganhar algum fôlego relevante.

      Viagem total, mas num cenário otimista penso assim.

      O cenário pessimista nem preciso falar já que é o que todos os analistas já estão defendendo.

      Abraço!

      Excluir
    2. Concordo mas geralmente o mercado antecipa a melhora muito antes como aconteceu agora com a piora. Mercado vive de expectativa, mas também se demorar 3 anos ou até 4 anos, 25% aa de retorno não é tão ruim né?

      Excluir
    3. neste patamar ela só precisa voltar a 20 reais para fazer 100%

      Excluir
    4. Realmente Anon,

      No patamar atual, tendo uma visão de trader, ter um bom lucro com ela parece bem factível para os próximos 2 ou 3 anos. No entanto, pensando em longo prazo, ainda tá meio nebuloso.

      Excluir
  4. Eu vou apostar a favor dela. Todo mês estou comprando um tiquinho. Vamos ver!

    E você, vai ou racha rs?

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Inglês!

      Mês passado fiz uma "fézinha" nela, pouca coisa, tenho hoje um lote fechado de CIEL3, nada que vai me deixar rico ou pobre.

      Há um certo consenso que a ação foi muito penalizada, dá pra ganhar uma graninha no curto/médio prazo, mas pensando no investimento de longo prazo, 10/15 anos, não tenho muitas expectativas em relação à Cielo.

      Abraço!

      Excluir
  5. Olá Ministro.

    Eu tenho uma boa grana nessa empresa e acredito que vai se recuperar, mas com menos margem. Só que parei de comprar. irei comprar só se chegar a R$ 8,00.

    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Cowboy!

      Também acho que ela vai se recuperar desse baque. É normal essa euforia todo uma vez que o mercado de meios de pagamento está mudando muito, porém em alguns anos, 2 ou 3, a tendência é que a concorrência se estabilize.

      Chegando a R$ 8,00 fica muito interessante. Tem gente já falando em comprar só em R$ 6,00. Se a queda do lucro anual for forte, talvez chegue nesses patamares.

      Abraço!

      Excluir
  6. Mercado sempre precificando o futuro, o lucro vai cair, as margens tb, porém ela deve seguir lider de mercado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem dúvida Marco!

      Já está evidente para todo mundo que o lucro e as margens vão cair e o mercado precificou isso. Mas vou além, acredito que o mercado em geral está precificando uma derrocada severa da Cielo, o que eu acho que não irá acontecer, como você disse, ela deve seguir líder de mercado.

      Abraço!

      Excluir
  7. 8% da minha carteira de ações e mantendo.
    Mês que vem tem aporte.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu to com uns 2,5% da minha carteira de ações nela. Acho que ainda dá pra "brincar" um pouco mais de Cielo também!

      Abraço!

      Excluir
  8. Ótima postagem.
    Saí da empresa há alguns anos e não cogito reentrar. Mesmo assim torço pela sua recuperação, apesar de acreditar que essa queda operacional será uma tendência.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala AdP!

      Lembro de um post seu relatando o ótimo timing que você teve vendendo sua participação na Cielo.

      A queda operacional de fato é uma tendência, porém nos próximos 2 ou 3 anos acredito que o mercado perceberá que a queda não era tão apocalíptica assim. Só o tempo dirá!

      Abraço!

      Excluir
  9. Acho que o mercado de meios de pagamento vai ficar muito segmentado. Vamos ter muitas empresas menores, de menor rentabilidade, atendendo clientes pequenos. É fácil vender soluções baratas para pequenos prestadores de serviços, que usam o serviço duas ou tres vezes por dia. Atender empresas com grandes volumes em datas como Black-Friday, Natal ou Dia das Mães (melhores datas do comércio) não é para amadores. Neste ramo não tem espaço para erros: voce perde o cliente instanteneamente se ele perder vendas por serviço de pagamento indisponivel. Cielo é empresa modelo a ser seguida. Certamente vai perder fatia de mercado mas vai continuar sendo lider e modelo padrão de excelencia. Os lucros e resultados acompanham. Como vejo (minha opinão): empresa em setor de crescimento, empresa consolidada, lider , perene, fundamentos excelentes, sem dividas, lucra mais com possivel melhora da economia, governança corporativa compromissada com investidores, ação no radar de grandes investidores. Entendo a circunstancia da queda de cotação (e acho ótimo para poder entrar na ação) mas não consigo visualizar um risco importante.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E ai Anon, boa análise!

      De fato o mercado de meios de pagamento tende a se modificar muito nos próximos ano, as empresas que não conseguirem se adaptar vão perder espaço.

      Essa questão de focar nos grandes foi o que a Cielo alegou estar fazendo, porém as margens com esse tipo de cliente tendem a ser menores. De qualquer forma, mas margens com os pequenos também tendem a diminuir em virtude da concorrência.

      Sua análise sobre o futuro da empresa, e do setor, é factível, mas eu não consigo ter tanta convicção que não há um "risco importante".

      Excluir
  10. A cielo tem em uma das suas maquinas o sistema de QR code para pagamento, o problema é se no futuro as maquina de pagamento vão existir de alguma forma. Já tem empresas de pagamento que nem usam mais maquinas:
    https://www.codemoney.com.br/para-vendedores/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E ai fotos (que nick peculiar rs)

      Novas tecnologias relacionadas a meios de pagamento estão sempre surgindo, porém a questão é se elas vão "pegar" mesmo.

      É igual Blockchain, todo mundo diz (ou dizia) que ia substituir um monte de coisa (até bolsa de valores), mas até isso acontecer ainda tem muita água pra rolar!

      Abraço!

      Excluir
  11. Serei cotista de fundo de investimento com intenção de dirimir eventuais custos de transação atrelados a compra de ações diretamente mas, se fosse comprar ações, Localiza e Cielo estariam no topo da lista, sem dúvidas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Intendente!

      Pois é, dependendo da perspectiva a Cielo pode estar uma pechincha. Só por curiosidade, acabei de voltar do almoço e paguei a conta do restaurante numa maquininha da Stone. Fiz o seguinte comentário com a proprietária do estabelecimento "a Stone está dominando o mercado mesmo né", ela me respondeu assim: "está sim, porque acabou com o Monopólio da Cielo e Rede, que passaram anos explorando a gente. Essas duas ai eu não uso mais nem que me paguem!"

      Localiza eu não acompanho, vou dar uma olhada!

      Só uma observação: essa estratégia de aplicar em fundos de investimento para "dirimir eventuais custos de transação atrelados a compra de ações diretamente" não me parece muito sensata, por dois motivos:

      a) As taxas cobradas pelos fundos vão ser mais caras que os custos que você teria investindo diretamente

      b) As corretoras estão com taxas muito competitivas, inclusive a Clear está com taxa zero de corretagem para ações.

      Abraço!

      Excluir
  12. Acredito na Cielo. Devido a concorrência deve sim diminuir o lucro no entanto mantendo em patamares altos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Beto, também acho.

      Que o lucro vai cair isso é fato, porém ainda serão lucros muito altos, suficientes para manter a empresa na liderança de mercado por muito tempo, é o que eu acho.

      Abraço!

      Excluir
  13. Cielo caiu 60%?
    É pra comprar de pá!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Frugal!

      Haja coração pra fazer isso hehe

      Mas quem tiver essa coragem pode rir por último daqui há uns anos!

      Abraço!

      Excluir